Limpeza de Aviários: Regras Básicas

Há muitas pessoas que gostam de pássaros, adquirem-nos e optam por fazer criação. É um passatempo bastante interessante e cada vez tem um maior número de adeptos. Existem várias espécies de pássaros por onde escolher, tais como mandarins, periquitos  ventres vermelhos, canários, pombos, entre tantos, tantos outros. Estude cuidadosamente as características e as necessidades de cada ave antes de adquirir uma, de modo a saber se conseguirá dar uma resposta competente às necessidades do pássaro. Só assim conseguirá uma criação saudável.

Manutenção e Limpeza do aviário

Uma parte fulcral da criação é a manutenção do aviário e da respectiva limpeza. A ave só consegue sobreviver num ambiente higienizado, de forma a que o animal não adoeça e morra. Terá de ter um cuidado extra especial com a limpeza dos aviários, visto que se o objectivo é ter um grande número de aves juntas a propagação de bactérias. Estes microorganismos poderão ser, inclusivamente, um perigo à saúde humana. Por causa disto e de um leque de razões diversas, iremos apresentar aqui algumas dicas de limpeza. Assim, o seu aviário poderá estar limpo e ser um lugar seguro para os seus pássaros e para si mesmo.

Limpeza de Aviários: Regras Básicas

Primeiro, a primeira coisa a ter em conta é a precaução; nenhuma limpeza ou produto pode substituir esta qualidade. Por exemplo, quando adquire um pássaro novo coloque-o em quarentena, separado dos outros que já possua. O seu interesse é averiguar a saúde do pássaro novo, evitando assim contagiar uma gaiola inteira. E, quando algum pássaro morrer dentro do aviário, certifique-se de que procede a uma limpeza – mesmo que seja superficial – da gaiola, e que troque, pelo menos, a água. A água tem de ser de boa qualidade; se a sua água canalizada possuir um sabor ou uma cor muito fortes, evite dar essa água de beber aos seus pássaros.

Quanto à limpeza propriamente dita, é de extrema importância de que seja efectuada com alguma frequência (quanto maior for o número de aves, mais frequente deve ser). Controle ao máximo o uso de desinfectantes e produtos direccionados ao extermínio de bactérias: são potencialmente prejudiciais à saúde aviária e humana. Use só quando muito necessário e certifique-se que segue as instruções do rótulo. Para esta desinfestação  o aviário ou gaiola terá de ter sido limpo previamente.

Limpar Aviários diariamente

Os restos de comidas, como as cascas das sementes, os resíduos das fezes e até as penas caídas devem de ser limpos diariamente. Tudo isto poderá tornar-se num festim para as bactérias patogénicas se multiplicarem. Se se sentir mais à vontade, use luvas de borracha para proceder a esta limpeza. Caso contrário, lave bem as mãos antes e depois.

Tanto nesta limpeza como na dos poleiros, bebedouros e comedouros pode recorrer a uma mistura de água com sal e vinagre ou sumo de limão. Assim, evitará usar produtos químicos e nocivos.

Em suma, estas são as medidas de limpeza básicas: remoção diária da matéria orgânica e um cuidado extremo com o uso dos desinfectantes. Com isto, a sua criação terá muito mais hipóteses de proliferar e manter-se saudável.



Deixe um Comentário